Cantar é algo natural para as quatro crianças Von Trapp. Eles são bisnetos do Capitão Georg Von Trapp, cujo romance com a sua segunda esposa, Maria, inspirou o filme A Noviça Rebelde, de 1965.

Depois que o avô, Werner Von Trapp, teve um ataque cardíaco, eles gravaram seu primeiro CD, a fim de alegrá-lo. Logo, as crianças estavam se apresentando por todo o mundo. Stefan, o pai das crianças, diz: “A música está dentro delas.”

O escritor do Salmo 98 também tinha uma canção em seu coração. Ele incentivou outros a se unirem a ele para cantar “…ao Senhor um cântico novo, porque ele tem feito maravilhas…” (v.1). Ele louvou a Deus pela Sua salvação, justiça, misericórdia e fidelidade (vv.2-3). O coração do salmista estava tão transbordante de louvor que clamava à Terra para que irrompesse numa canção, que os rios batessem palmas e os montes cantassem de alegria (vv.4,8).

Nós também temos muito que agradecer — as boas dádivas de Deus, da família, os amigos e o suprimento diário das nossas necessidades. Ele cuida fielmente de nós, os Seus filhos.

Talvez não saibamos cantar bem, mas quando nos lembramos de tudo o que Deus significa para nós, e tudo o que fez em nosso favor, não podemos fazer outra coisa a não ser louvá-lo com cânticos de alegria e ao som de música! (v.4).